Em Florianópolis, apartamentos com até 30m2 foram os que mais valorizaram no ano

Compartilhar a notícia

08 de janeiro de 2024

Atualizado: 08 de janeiro de 2024 4 min de leitura

Os imóveis residenciais com até 30 metros quadrados, também conhecidos como studios, foram os que mais valorizaram em Florianópolis em 2023. O preço por metro quadrado pedido para esse tipo de unidade subiu 18,9% no último ano, atingindo a mediana de R$ 12,6 mil.

A valorização observada em Florianópolis foi superior à registrada em outras capitais das regiões Sul e Sudeste, como Porto Alegre (11,4%) e São Paulo (7,1%), no mesmo período. Os dados estão em um levantamento inédito divulgado pela startup imobiliária Loft.

De acordo com o estudo, em alguns bairros da capital, o preço do metro quadrado dos chamados apartamentos compactos ultrapassa a mediana. É o caso de Trindade, onde a mediana do preço por metro quadrado, no último mês, foi de R$ 14 mil. Na prática, isso significa que um imóvel de 30 m2 localizado no bairro pode ser anunciado por mais de R$ 400 mil.

Para o levantamento, a Loft analisou mais de 100 mil anúncios ativos de apartamentos. O estudo considera os preços anunciados dos imóveis.

O que você vai ler

Oferta

Florianópolis tem uma oferta menor desse tipo de unidade para venda, quando comparada com as capitais paulista e fluminense. Na capital catarinense, os imóveis com até 30 metros quadrados representam menos de 1% dos imóveis à venda. Já no Rio, eles respondem por 2,92% do mercado e em São Paulo por 2,5%.

Johny Fabra, CEO da F1 Cia. Imobiliária, que atua em Florianópolis há mais de 15 anos, conta que a oferta de estúdios, que costumam ter até 40m2 na capital catarinense, deve aumentar até o fim do ano. “Mais de mil studios devem ser entregues na região central da cidade até o fim de 2024, o que deve aumentar o percentual de participação desses imóveis nas unidades prontas para morar.”

No mês passado, o Centro era o bairro de Florianópolis que possuía a maior oferta de estúdios, seguido por Trindade e Itacorubi.

“Os compactos são uma tendência em ascensão no país, especialmente em grandes metrópoles. Normalmente localizados em áreas centrais, esse tipo de unidade também costuma ser uma porta de entrada para quem deseja comprar um imóvel. Isso porque o preço absoluto de um apartamento com essa metragem tende a ser menor do que o de apartamentos grandes, mesmo o preço do metro quadrado sendo maior”, afirma Fábio Takahashi, gerente de Dados da Loft.

No marketplace de imóveis da startup, há opções de até 30 metros quadrados com preços a partir de R$ 450 mil.

Vantagens

Para aproveitar melhor o espaço, os apartamentos compactos possuem poucas divisórias. Muitas vezes apenas o banheiro é separado do restante do imóvel. Os moradores desse tipo de apartamento costumam ser profissionais ou estudantes que vivem sozinhos ou em casal, muitas vezes recém-casados, que passam a maior parte do tempo fora de casa.

As principais vantagens desse tipo de imóvel são:

  • Fácil manutenção. Espaços menores exigem menos limpeza e há menos necessidade de manutenção. Portanto, os pequenos apartamentos são ideais para quem não tem tempo para cuidar da casa, como pessoas que precisam viajar muito.
  • Custo menor. A necessidade de menos cuidado também impacta os custos com o imóvel. Além de as tarefas domésticas da casa serem feitas com mais rapidez, as eventuais reformas serão sempre mais econômicas.
  • Condomínio e IPTU mais baratos. O custo de morar em um apartamento compacto é predominantemente mais barato, mesmo com opções de lazer nas áreas comuns. Isso porque as áreas sobre as quais se calcula a taxa de condomínio e o imposto são menores. Prédios com esse tipo de planta também costumam ter um número maior de unidades para dividir as despesas comuns.
  • Liquidez. Apartamentos de menor valor têm um público comprador potencial maior, por alcançar pessoas com menor poder aquisitivo. Esses imóveis têm mais saída no mercado imobiliário e, com aluguéis mais baratos, tendem a ser ocupados com facilidade. São apontados como opções de investimento.

Tags

Deixe seu comentário

Veja também

Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com os nossos Termos de Uso e Política de Privacidade e, ao continuar navegando neste site, você declara estar ciente dessas condições.