Conheça 8 das melhores cidades de Minas Gerais para viver!

Compartilhar a notícia

Está à procura de um lugar com qualidade de vida para morar? Veja 8 das melhores cidades de Minas Gerais para se viver e escolha o seu novo endereço!

04 de março de 2024

Autor Time Loft
Atualizado: 04 de março de 2024 12 min de leitura
Conheça X das melhores cidades de Minas Gerais para viver!

Você já se perguntou quais são as melhores cidades de Minas Gerais para viver? Esse estado fica em uma região privilegiada no Brasil, no Sudeste do país. Então os mineiros têm fácil acesso aos principais centros comerciais nacionais, enquanto desfrutam de uma cultura rica e tradições importantes.

A área conta com uma economia aquecida e que está em pleno desenvolvimento, muitas oportunidades para quem deseja estudar, além de ter uma gastronomia de destaque. Afinal, receitas como o pão de queijo e o doce de leite são nacionalmente aclamadas. 

Neste artigo, você descobrirá as 8 melhores cidades de Minas Gerais para morar. Boa leitura!

1. Belo Horizonte 

As pessoas que buscam um estilo de vida mais urbano e agitado podem optar por viver em Belo Horizonte. Essa é a maior cidade do estado, com aproximadamente 2,3 milhões de habitantes, conforme dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) de 2022. 

Ela está entre as melhores cidades de Minas Gerais, pois consiste em um polo de atração econômica, com algumas das principais empresas da região. A capital mineira se destaca por atividades desenvolvidas na mineração, indústria automobilística e metalurgia.

O custo de vida em Belo Horizonte tende a ser mais acessível do que em outras capitais brasileiras, como São Paulo e Rio de Janeiro. No entanto, esse dado varia de acordo com o bairro e o estilo de vida escolhido.

A cidade tem uma diversidade de bairros, cada um com sua própria atmosfera e características. Alguns são mais urbanos e movimentados, enquanto outros são mais tranquilos e residenciais. 

O trânsito em Belo Horizonte pode ser desafiador, com congestionamentos em algumas áreas durante os horários de pico. Contudo, a cidade está investindo em melhorias na mobilidade, incluindo a expansão do sistema de metrô.

Belo Horizonte também é culturalmente rica, com museus, teatros, cinemas e eventos musicais. A região é famosa por seus festivais, como o Festival Internacional de Teatro, e possui diversos espaços para eventos. O lazer fica por conta dos parques, trilhas, restaurantes, bares e outras atrações. 

Essa é uma cidade adequada também para quem deseja estudar, pois ela conta com instituições de grande porte. Entre elas, vale destacar:

  • Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG);
  • Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC Minas);
  • Universidade Fumec. 

2. Nova Lima 

Nova Lima fica a aproximadamente 30 km de Belo Horizonte, a capital do estado, fazendo parte de sua Região Metropolitana. O município é reconhecido pela extração mineral, com destaque para o ferro e o ouro. Ele conta com diversas minas, como Morro Velho, Mostardas, Rio do Peixe, entre outros.

A Prefeitura da cidade realiza incentivos a outros setores, com o objetivo de tornar a economia local mais diversa. Assim, existem apoios para indústrias, construção civil, turismo ecológico, gastronomia e outras. Como resultado, Nova Lima vem se sobressaindo com a produção de cervejas. 

A culinária também se destaca. Um dos pratos tradicionais da região é a queca, termo que deriva do inglês “cake” — que significa “bolo”. Trata-se de um bolo inglês feito de frutas cristalizadas, nozes, castanhas e açúcar mascavo.

A cidade está na fronteira com a região Centro-Sul de Belo Horizonte, a mais rica da capital. Esse fato atrai moradores de alta renda para Nova Lima, o que incentiva o mercado imobiliário de luxo

Como consequência, o custo de vida no município pode ser mais elevado do que em outras regiões de Minas Gerais. Isso acontece, especialmente, em áreas mais nobres.

A cidade oferece um estilo de vida tranquilo e interiorano, com várias opções de lazer, como parques, trilhas, espaços culturais e atividades ao ar livre devido ao seu cenário montanhoso. Alguns destinos passam por trechos da Estrada Real, oferecendo uma experiência diferenciada.

Anúncios

3. Itajubá 

A cidade de Itajubá fica localizada no Sul de Minas Gerais, sendo conhecida por oferecer qualidade de vida à população. Ela tem uma infraestrutura desenvolvida, com acesso a serviços de saúde, educação e lazer.

A região está cercada por diversas paisagens naturais, com montanhas, trilhas e cachoeiras nas proximidades, o que oferece oportunidades para atividades ao ar livre. Ela é famosa por sua comunidade acolhedora e estilo de vida tranquilo. Os moradores desfrutam de um ambiente seguro e amigável.

Apesar de ser uma cidade do interior do estado, ela é bastante industrializada. As empresas do setor produtivo abrangem diversas áreas, como automobilística, alimentícia, farmacêutica, eletrônica, têxtil e tecnológica.

Itajubá também abriga instituições de ensino superior, como a Universidade Federal de Itajubá (UNIFEI), o que atrai estudantes e profissionais de diversas áreas. A instituição fortalece o desenvolvimento de pesquisas e tecnologias que beneficiam a população.

O lazer nessa cidade mineira está relacionado ao contato com a natureza. Mas também é possível contar com igrejas, feiras de artesanato, museus e eventos anuais. 

Já o custo de vida no município tende a ser mais acessível do que em grandes cidades brasileiras. Isso inclui preços de moradia, alimentação e transporte.

4. Lavras 

Na lista das melhores cidades de Minas Gerais para viver também está Lavras, que fica na região Sul do estado. Um dos seus pontos fortes é a localização estratégica, pois o município se encontra entre as três maiores regiões metropolitanas do Brasil. 

Lavras é conectada a Belo Horizonte e a São Paulo pela rodovia Fernão Dias e ao Rio de Janeiro pelas rodovias BR-265 e BR-040. Assim, ela oferece fácil acesso a localidades de alta relevância no Sudeste.

A cidade tem médio porte e apresenta uma infraestrutura atende às necessidades da população local, contribuindo para a qualidade de vida na cidade. Ela dispõe de transporte público e particular, escolas, comércios, serviços básicos e uma sensação geral de segurança. 

Um dos aspectos relevantes sobre o município é a presença da Universidade Federal de Lavras (UFLA), uma instituição de ensino de renome no Brasil. Ainda, ela contribui com a infraestrutura da região, oferecendo serviços de pesquisa e desenvolvimento.

Cabe ainda destacar a Faculdade de Ciências da Saúde (FCS), pertencente à Universidade Federal, que proporciona diversos atendimentos médicos à população e fortalece a saúde local.

O lazer na cidade fica por conta dos eventos das igrejas, bem como museus, cachoeiras e o Parque Ecológico Quedas do Rio Bonito. Lavras também realiza eventos musicais de diferentes estilos, além de contar com uma vida noturna movimentada, fomentada pela cultura universitária. 

5. Poços de Caldas 

Ainda no Sul de Minas Gerais, vale a pena destacar Poços de Caldas, uma cidade turística e muito buscada por quem pretende descansar e relaxar. Um dos atrativos do município é o fato de possuir fontes de águas minerais que apresentam propriedades terapêuticas.

Os moradores e visitantes podem aproveitar as estâncias hidrominerais com fontes e balneários com diferentes benefícios. As águas termais costumam atrair muitas pessoas por oferecerem experiências exclusivas.

Poços de Caldas tem um clima ameno devido à sua localização em uma região montanhosa. Ele é classificado como subtropical de altitude, com verões suaves e invernos mais frios. Isso faz da cidade uma boa alternativa para quem busca por temperaturas mais baixas.

Em termos de infraestrutura, a cidade apresenta um bom desenvolvimento, com alternativas de serviços e comércio capazes de atender às necessidades básicas da população. A infraestrutura viária inclui avenidas e rodovias que facilitam o deslocamento dentro da cidade e para outras regiões.

O transporte público é oferecido por meio de ônibus municipais, que operam em várias rotas pela cidade. No entanto, esse sistema pode ser limitado em termos de frequência e cobertura.

Poços de Caldas tem avenidas arborizadas e ciclovias, o que incentiva o uso de bicicletas como meio de transporte alternativo. Essa é uma cidade relativamente compacta, o que torna o deslocamento a pé uma opção viável em muitas áreas.

Além do turismo, a economia do município é movimentada pelas atividades agrícolas e industriais. A geração de empregos se concentra em pequenos empreendimentos.

O custo de vida em Poços de Caldas é moderado em comparação com outras cidades do mesmo porte. No entanto, moradia, alimentação e serviços básicos tendem a ser acessíveis — considerando a média.

6. Juiz de Fora 

Juiz de Fora é a quarta maior cidade de Minas Gerais, com uma média de 540 mil habitantes. Ela está localizada na Zona da Mata, na direção Sudeste em relação à Belo Horizonte. O município já foi chamado de “Manchester Mineira”, por ser pioneiro na industrialização.

A sua localização estratégica, com fácil acesso aos principais centros comerciais do país, como São Paulo, Rio de Janeiro e Belo Horizonte, favorece o aquecimento econômico. A região se destaca pela produção agrícola e pelo desenvolvimento de produtos lácteos. 

Vale notar que 70% da área total de Juiz de Fora é rural e existem em média 1.100 agricultores familiares. Segundo dados de 2023, a produção de leite é de mais de 18 mil litros diariamente. Portanto, a agricultura tem uma forte participação na economia local.

A cidade possui um clima tropical de altitude, com verões quentes, invernos mais amenos e estações bem definidas. Porém, uma característica marcante da região é a instabilidade climática, com alterações ao longo de um mesmo dia.

A sua cena cultural é ativa, com teatros, museus, galerias de arte e eventos culturais ao longo do ano. Ela também é conhecida por sua vida noturna animada, com bares e restaurantes que oferecem música ao vivo e entretenimento.

Grande parte das atividades é fortalecida pela Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), uma instituição de qualidade reconhecida nacionalmente. Ela contribui com as pesquisas, o desenvolvimento educacional da população e com a cultura da cidade.

7. Varginha

Varginha é uma cidade do Sul de Minas Gerais, localizada às margens do Lago Furnas. Ela é famosa nacionalmente por um suposto aparecimento de alienígenas, que deu origem ao personagem fictício do E.T. de Varginha. 

Essa lenda assumiu um papel de destaque na cultura da cidade, pois ela gerou eventos e produtos temáticos confeccionados na região. Além disso, a arquitetura do município explora esses elementos.

Ao andar pelas ruas de Varginha você encontra, por exemplo, pontos de ônibus em formato de nave espacial e estátuas de extraterrestres em diversas localidades, como na praça principal.

O esporte é outro aspecto relevante nessa região. A cidade é sede do Boa Esporte Clube e conta com o Estádio Municipal Prefeito Dilzon Luiz de Melo, com capacidade para mais de 15 mil pessoas.

Economicamente, Varginha é exportadora de café, além de produzir algodão, máquinas e materiais elétricos, entre outros produtos extraídos na região. A sua atividade econômica é aquecida, com muitas oportunidades profissionais. 

O custo de vida em Varginha é moderado, com oportunidades de moradia e serviços de alto padrão, além de ter alternativas acessíveis. 

O lazer nesse município mineiro conta com opções como bares, restaurantes, o Shopping Via Café, teatros e museus. A cidade também organiza diversos eventos regularmente, que atraem visitantes de toda a região.

8. Uberlândia

Na região do Triângulo Mineiro a cidade de Uberlândia se sobressai. Em uma pesquisa realizada pela Revista IstoÉ, em 2022, Uberlândia foi considerada o 12º melhor município do Brasil para se morar no ranking geral. Ela foi a melhor colocada em todo o estado de Minas Gerais.

A cidade se destaca por oferecer qualidade em sua infraestrutura, como saúde, saneamento básico, educação e segurança. Assim, a região é bem desenvolvida e pode oferecer uma boa experiência de moradia. 

Esse município é o segundo mais populoso do estado, com mais de 700 mil habitantes. Ele fica atrás apenas de Belo Horizonte. Sua localização também é um fator relevante, pois Uberlândia tem fácil conexão com grandes centros comerciais, como São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Goiânia e Brasília.

Um aspecto relevante sobre o desenvolvimento da cidade se relaciona com a tecnologia e os serviços inteligentes. Ela se destaca pela conectividade, com um bom serviço de internet. Ainda, o município adota soluções tecnológicas que melhoram a vida da população, enquanto fortalecem a economia.

O lazer da de Uberlândia é movimentado por parques, praças, igrejas, museus e teatros. Existem opções de passeios ao ar livre, com trilhas, cachoeiras e outras atrações que proporcionam o contato com a natureza.

Neste artigo, você descobriu quais são 8 das melhores cidades de Minas Gerais para se viver. Cada uma delas conta com características distintas, que podem beneficiar diferentes desejos, necessidades e estilos de vida. Conheça os municípios mineiros e escolha o melhor para você e sua família.

Bateu aquela dúvida na matéria que você leu? Deixe nos comentários que o Time Loft responde!

Tags

Deixe seu comentário

Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com os nossos Termos de Uso e Política de Privacidade e, ao continuar navegando neste site, você declara estar ciente dessas condições.