Relatório imobiliário: confira 6 importantes métricas de vendas para considerar

Compartilhar a notícia

O relatório imobiliário é importante para mensurar os resultados do seu negócio. Conheça os tipos de relatórios e as métricas.

05 de abril de 2024

Autor Time Loft
Atualizado: 05 de abril de 2024 6 min de leitura
Relatório de preços de ações da bolsa de valores

Os relatórios imobiliários permitem a visualização de informações essenciais para entender as perspectivas do seu negócio e orientar na tomada de decisões.

O acompanhamento de métricas também é útil para dar mais assertividade nas escolhas e ampliar as chances de sucesso da sua imobiliária.

A seguir, explicamos os tipos de relatórios imobiliários e as métricas de vendas mais relevantes. Também tratamos da importância de contar com um CRM para acelerar esses relatórios e utilizá-los. Acompanhe!

Conheça os tipos de relatório imobiliário

Os relatórios imobiliários são recursos importantes para mensurar questões como o relacionamento dos clientes com o seu negócio, bem como visualizar informações essenciais para guiar deliberações da sua empresa.

Entre os principais tipos de relatórios estão os de visitas aos imóveis. Os diagnósticos devem ser entregues aos proprietários e precisam indicar se os corretores estão visitando os imóveis. Do mesmo modo, pode apontar se a empresa está conseguindo atender a todos os clientes.

Já o relatório de propostas indica dados do proprietário e do interessado, o endereço do imóvel, o valor, bem como as condições da proposta. Esse documento pode orientar os gestores a entender o andamento da negociação e evitar falhas por falta da execução de tarefas.

relatório de leads, por sua vez, disponibiliza informações acerca da origem dos contatos da sua imobiliária. É possível saber o número de leads captados por meio do site, a fim de compreender se o resultado pode ser melhorado.As imobiliárias também podem elaborar relatórios de fechamentos. Com essas avaliações, as empresas conseguem conhecer informações, como os detalhes da negociação, o corretor responsável, a comissão, entre outras.

Métricas de vendas: confira 6 para observar na sua imobiliária

A avaliação de métricas de vendas é capaz de apontar o desenvolvimento da estratégia de crescimento da sua imobiliária.

Além disso, pode funcionar para compreender se está no momento de adotar outras táticas a fim de obter rendimentos mais adequados aos seus objetivos.

  1. Taxa de conversão de oportunidades em vendas

Mensurar a relação entre o número de oportunidades de vendas e o de conversão em vendas é útil para saber se há algum obstáculo para o fechamento. Assim, você pode obter ideias para oferecer um melhor serviço aos seus leads.

Nesse sentido, é importante saber que, normalmente, o número de vendas deve ser inferior ao de oportunidades, principalmente no setor imobiliário, em que o processo de vendas é complexo.

No entanto, é interessante conhecer qual taxa de conversão está mais próxima das metas da sua organização.

  1. Custo de Aquisição de Cliente (CAC)

O chamado Custo de Aquisição de Cliente (CAC) ajuda a compreender a situação financeira da sua imobiliária.

No momento em que esse valor está elevado, é necessário repensar as estratégias da sua organização. Portanto, pode ser a hora de avaliar quais métodos podem ser usados para diminuir esse indicador.

De outro modo, é necessário avaliar também o CAC relativo ao tipo de imóvel que faz parte do seu catálogo.

O Custo de Aquisição de Cliente para propriedades de alto padrão, por exemplo, tende a ser mais caro do que para empreendimentos voltados para o público de baixa renda.

  1. Número total de oportunidades abertas

Já o número total de oportunidades abertas serve para saber quais são as chances de negócio em que cada corretor está trabalhando no momento.

Assim, é possível conhecer se esse número é suficiente para a sua imobiliária e entender o que é preciso para aumentar o número de oportunidades no seu funil de vendas.

Essa métrica pode apontar ainda se é necessário investir na prospecção e na qualificação de leads imobiliários.

Além do mais, o número de oportunidades abertas pode ser influenciado pelo nível de experiência do corretor e do tempo necessário para o atendimento. Nesse último ponto, o CRM é fundamental para a otimização.

  1. Ticket médio

Para definir melhor o perfil dos seus clientes, o ticket médio é uma métrica fundamental. Dá para fazer esse cálculo em relação aos empreendimentos e a cada corretor.

Depois, essa métrica auxilia a compreender o faturamento da sua imobiliária, bem como se esse valor está alinhado às suas metas financeiras.

  1. Ciclo de vendas

Ciclo de vendas trata-se da duração de cada fase da venda até conquistar o cliente em potencial. Portanto, leva-se em consideração o tempo que o seu time precisa para efetivar as vendas.

Essas informações podem ser úteis para guiar a sua imobiliária ao longo do tempo. Você pode comparar os resultados do seu ciclo de vendas periodicamente e saber se o tempo empenhado para as oportunidades tem dado retorno.

  1. Taxa de contato

A taxa de contato é mais um índice interessante para mensurar as chances de sucesso das suas vendas. Geralmente, quanto mais ligações e chamadas frias fizerem parte da sua estratégia, maior a probabilidade de êxito dos corretores.

Só para exemplificar, um estudo feito pela AG Sales Works & Bridge Group apontou que os representantes de vendas devem gerar cerca de 32 oportunidades de vendas a cada mil chamadas.

Com base nesse estudo, para você ter uma ideia do sucesso das suas oportunidades de vendas, você pode multiplicar o total de chamadas feitas em 1 dia, 1 semana ou 1 mês por 3,2%.

Banner ebook posicionamento online

Como uma ferramenta de CRM pode ajudar na elaboração do relatório imobiliário?

Adotar uma ferramenta de Customer Relationship Management (CRM) contribui para gerar relatórios e ampliar a visão sobre os negócios da sua imobiliária. Além do mais, promove a otimização operacional das análises.

O recurso também pode diminuir a chance de falhas em cálculos de indicadores, além de agilizar a atualização dos dados e assegurar que informações valiosas sobre os imóveis e contatos não sejam perdidas.

De outro modo, essa ferramenta permite ganho de tempo na organização de dados, para que os gestores possam se concentrar na parte analítica. Por fim, ainda garante que as métricas de vendas sejam avaliadas de forma rápida e assertiva.

Em conclusão, você viu de que maneira os relatórios imobiliários permitem a visualização de informações importantes para guiar as decisões da sua empresa. O acompanhamento de métricas também serve para orientar o seu negócio com mais assertividade e chance de sucesso.

Bateu aquela dúvida na matéria que você leu? Deixe nos comentários que o Time Loft responde!

Tags

Deixe seu comentário

Veja também

Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com os nossos Termos de Uso e Política de Privacidade e, ao continuar navegando neste site, você declara estar ciente dessas condições.