Lareira em apartamento: como trazer aconchego e design 

Compartilhar a notícia

Modelos que dispensam queima de madeira e quebra-quebra deixaram mais fácil o sonho de ter uma lareira em apartamento. Veja quais são as opções e como incorporá-las no ambiente

21 de junho de 2022

Atualizado: 27 de junho de 2022 12 min de leitura
lareira ecologica mesa pedra chama

Colaboração de Marcela Guimarães

Nada melhor que o calor do fogo de uma lareira para aquecer os dias frios. Imagine uma xícara de chocolate quente nas mãos ou uma taça de vinho em frente a uma lareira. Essa cena clássica é possível mesmo para quem mora em apartamento. 

Com a evolução dos queimadores, atualmente, qualquer residência pode ter uma lareira, sem a necessidade de uma chaminé. Além de aconchego, esse item pode adicionar elegância e sofisticação à decoração.

“A tecnologia democratizou o acesso às lareiras. As inovações que chegaram ao mercado permitem a instalação de uma lareira independentemente das características construtivas do imóvel”, diz a arquiteta Angelina Blömker, de Porto Alegre.

Além do antigo modelo a lenha, existem no mercado equipamentos a gás ou a álcool, que não geram fumaça, dispensam a saída de resíduos, são bem simples de serem instalados, além de mais sustentáveis.

lareira ecologica mesa pedra chama
Lareira ecológica não queima madeira e é fácil de instalar. Foto: Shutterstock

“É preciso observar qual a lareira mais adequada para cada tipo de imóvel, o dimensionamento do ambiente, se ali moram crianças, animais de estimação. Existe uma infinidade de modelos que podem ser instalados de diversas formas possíveis”, complementa a arquiteta. 

Mesmo em prédios que possuem chaminé para a queima da madeira, alguns moradores estão preferindo trocar o sistema por outros mais modernos. Entre os motivos, segundo Angelina Blömker, estão praticidade, alergias à fumaça e até preocupações ambientais. 

“Eu costumo dizer que usar uma lareira a lenha é como usar uma banheira. Requer um planejamento na agenda, é demorado e segue um ritual. A lareira que queima madeira é um evento: você tem que esperar o fogo pegar, colocar mais lenha, não pode aumentar o calor num botão e nem sair de casa sem apagá-la”, avalia a arquiteta. 

lareira sala marmore tv quadro
Uma lareira tradicional, que queima madeira, exige cuidados especiais e tempo para ser acesa e aproveitada pela família. Projeto e fotos: Angelina Blömker Arquitetura

“Curtir com a família em volta desse tipo de lareira é uma delícia, mas não funciona na rotina do dia a dia. Por isso muitos clientes, mesmo com a infraestrutura pronta, estão decidindo instalar um modelo ecológico, mais fácil de controlar e sem fuligem.” 

Como escolher a lareira certa?

O primeiro passo é observar o tamanho do ambiente, porque a função principal da lareira é aquecer o cômodo. Um queimador pequeno não será eficiente para uma sala de estar ampla.  

“Você pode ter uma lareira tradicional, com queima de lenha e chaminé, e não conseguir aquecer seu apartamento, e colocar uma lareira a álcool e deixar o espaço mais quente. Tudo vai depender do dimensionamento correto”, alerta Angelina. "Às vezes, o apartamento tem uma sala integrada com a cozinha ou varanda. São questões que devem ser consideradas”

A arquiteta explica que os equipamentos são desenvolvidos a partir da metragem do cômodo. “Cada lareira vai esquentar X metros cúbicos. Então, se é uma sala de 20 metros quadrados, será um modelo. Se tiver um pé-direito duplo, será outro equipamento, porque tem mais ar para esquentar naquele espaço. O importante é observar as orientações do fabricante e comprar o item correto.”

sala lareira parede azul espelho
A lareira pode ser colocada entre as salas de estar e jantar, com potencial para aquecer todos os ambientes. Projeto e fotos: Angelina Blömker Arquitetura

Os valores também variam muito de acordo com o modelo e as condições de instalação. Uma lareira ecológica, por exemplo, pode custar a partir de 500 reais e chegar até os 3 mil reais. Eventuais adaptações necessárias para uma instalação, além do próprio tipo de equipamento, vão adicionar outros valores ao orçamento.

Tipos de lareira

A lareira ecológica é aquela que gera calor sem queimar madeira, por isso dispensa a chaminé. Em vez do produto natural, o combustível usado é o etanol (ou álcool), que precisa ser reabastecido de tempos em tempos. Na base, costuma-se acrescentar pedrinhas específicas para o equipamento, que ajudam a difundir o calor e dão um efeito elegante. 

“Essa tem sido a mais utilizada porque é simples de instalar, tem um rendimento excelente e é adaptável a qualquer móvel ou ambiente, tem um bom custo-benefício e fica ótima em apartamentos compactos”, explica Angelina.  

O equipamento a gás  - que provoca controvérsia sobre ser ecológico ou não, já que usa um subproduto do petróleo - exige uma infraestrutura de canos para levar o combustível até o fogareiro, onde fica a lareira. Em prédios, é necessário que exista gás encanado direto da companhia de abastecimento. “A grande vantagem é que você controla as chamas e o calor com um botão”, comenta Angelina Blömker. 

Dependendo do tamanho e da capacidade (metros cúbicos que consegue aquecer), a lareira a gás também vai precisar de uma chaminé. “Isso também vem indicado pelo fabricante. Mas se for um queimador pequeno, pode ser usado sem a chaminé.”

Os modelos movidos a energia elétrica são semelhantes aos aquecedores de grande potência, possuem designs interessantes que funcionam bem visualmente e são mais seguras para quem tem criança pequena e animais de estimação. 

As lareiras elétricas mais modernas podem produzir chamas em 3D, o que dá um charme a mais para o ambiente onde forem instaladas. A temperatura pode ser regulada até por controle remoto. A desvantagem é o consumo de energia, nada sustentável, e que pode gerar uma conta alta quando o consumo for intenso.

lareira controle remoto eletrica
Mais segura para crianças e pets, a lareira elétrica oferece controle de temperatura e tela 3D que imita chamas. Foto: Shutterstock

Para quem mora em edifício com estrutura de chaminés, e gosta de ver a madeira queimando, a boa e velha lareira a lenha também pode ser abastecida pelo pellet - composto de fibras de resíduo de madeira, no formato cilíndrico parecido a uma ração animal, vendido em pacotes, até pela internet. É possível construí-la em apartamentos que possuem  churrasqueira com chaminé, comuns em imóveis com varanda gourmet. “Temos recebidos vários pedidos de clientes para transformar a churrasqueira em uma lareira. É preciso fazer uma obra e trocar uma pela outra”, comenta Angelina. 

Há ainda um sistema de calefação que está sendo chamado de lareira inteligente ou lareira de alto desempenho: pode ser a lenha ou a pallet. Ela é toda fechada e, antes de jogar a fumaça quente pela chaminé, faz esse ar circular por vários cômodos por um sistema de dutos. Esse caminho pode ser instalado sob os rodapés, por exemplo, fazendo o calor ser melhor distribuído pela residência. É possível fazer em apartamento, desde que tenha uma saída preparada para a fumaça sair. 

Cuidados necessários para evitar acidentes    

Onde há fumaça, há fogo, diz o ditado. E onde há fogo, há risco de queimadura, principalmente quando crianças pequenas ou pets circulam pelo ambiente com uma lareira acesa. Portanto, os mesmos cuidados que você tem com o fogão, deve ter com a lareira.

Para ser eficiente, toda lareira precisa estar próxima ao chão, ficando acessível a crianças e animais de estimação. “Nos modelos a lenha há possibilidade de se instalar barreiras, como portas térmicas, que evitam acesso à chama e impedem que faíscas possam atingir o piso, um móvel, um tapete e até a mão de uma criança”, explica Angelina Blömker. Essas barreiras podem ser grades de segurança feitas de aço ou portas de vidro temperado, específico para aguentar até 700 graus Celsius.  

lareira porta vidro chama fogo
Portas de vidro podem servir de barreira para lareiras a lenha. Foto: Shutterstock

De acordo com a arquiteta, essas portas de vidro não funcionam para os modelos a álcool. “Se fechar, acaba o oxigênio e a chama se apaga”, diz. É comum que a lareira ecológica tenha ao menos um vidro baixo ao redor, mas que não vai bloquear o acesso à chama. 

Para quem tem filhos em casa ou animais, Angelina recomenda repensar os modelos com chama. “Uma lareira elétrica cumpre o papel de aquecer, deixar o ambiente aconchegante e elegante, sem trazer perigo para animais e crianças.”

Lareiras ecológicas podem ser instaladas em qualquer espaço, contanto que sejam colocadas com equipamento de segurança para evitar aquecimento de eletrodomésticos, como televisão, ou mesmo a própria marcenaria. “Para cada modelo e tamanho, o fabricante indica a distância mínima entre a chama e um aparelho eletrônico, que precisa ser levada à risca”, enfatiza a arquiteta.

“O ideal é que seja colocado, ao redor da lareira a gás ou a álcool, um material mais resistente como um granito ou uma pedra natural, que suporte melhor o calor prolongado. Existem alguns modelos de lareira que vêm em uma caixinha de alumínio ou aço. Daí é preciso calcular o espaço para colocação de lã térmica”. 

Para quem optar por uma lareira a gás, vale a mesma recomendação de segurança dos aquecedores de água que usam esse mesmo combustível: é preciso deixar sempre uma circulação de ar fresco próxima ao queimador, para entrada de oxigênio.

Quanto ao piso, se for uma lareira a lenha, a indicação é evitar que o assoalho de madeira chegue muito próximo ao fogo. “Você pode instalar um revestimento de pedra, porcelanato ou qualquer piso frio nessa área.”, complementa a arquiteta.

lareira parede pedra lenha sala
Uma base de pedra foi construída na lareira a lenha para proteger o piso vinílico. Projeto e fotos: Angelina Blömker Arquitetura

Móveis de madeira, feitos em MDF ou aglomerado, próximo às chamas também precisam ganhar uma proteção com material resistente ao calor para que não se estraguem e nem provoquem incêndio, reforça Angelina.

A arquiteta usa como exemplo um projeto recente, em que a lareira foi colocada na marcenaria que compõe o rack da TV. “Usamos uma pedra para fazer todo o entorno da lareira e ainda instalamos uma lã térmica, entre a pedra e a madeira, para tornar o móvel resistente ao calor.” A mesma manta térmica foi colocada por baixo do painel de madeira, deixando tudo ainda mais seguro.

sala lareira rack tv piso laminado
Entre o granito, o laminado do rack e o painel da TV, foi instalada uma lã térmica, que segura o calor e impede danos nos móveis e nos eletrônicos. Projeto e fotos: Angelina Blömker Arquitetura

Lareira como ponto focal na decoração

Do design mais clássico ao mais contemporâneo, é possível incorporar uma lareira a todo tipo de projeto de design, transformando-a no destaque do ambiente ou numa peça que complementa o décor.

“Você pode criar uma sala específica para a lareira, naqueles imóveis com maior metragem. Mas, no geral, os apartamentos são mais compactos, então, a gente costuma ter a sala de estar, TV e a sala da lareira no mesmo cômodo”, diz Angelina. 

Quando isso acontece, o ideal é colocar a lareira próximo ao ponto de TV. “Assim como a TV é um ponto focal na sala, e os móveis estarão virados para ela, a lareira também é importante para o layout. Se ela ficar no lado oposto à TV, serão dois pontos 'brigando' pela atenção. O ideal é estar na mesma parede, ou no mesmo plano, ao lado”, explica a arquiteta.

sala estar tv tapete tv mesa
Tente unir lareira e TV na mesma parede para que as duas virem o ponto focal da sala.  Projeto e fotos: Angelina Blömker Arquitetura

Neste caso, a configuração pode ser mais tradicional, com a lareira embaixo e a TV em cima, ou instalada no próprio rack (com a proteção de mantas térmicas, como já citado). “Quando há um estar integrado à sala de jantar, é possível criar um volume entre os ambientes e colocar ali uma lareira, que atenda os dois lados. Depende das características do imóvel. Mas, em geral, os clientes preferem que a lareira esteja perto da TV.” 

O ideal é pensar na lareira na etapa inicial de um projeto, antes de uma obra ou benfeitoria, para que seja feita a infraestrutura necessária, e para que os revestimentos, formato do nicho e até o design do equipamento estejam em composição com o restante do projeto. 

Vantagens e desvantagens de cada modelo de lareira

  • Lareira a lenha: modelo tradicional, necessita de chaminé, produz fumaça e pode usar a instalação da churrasqueira na varanda gourmet.
  • Lareira ecológica: simples de instalar, utiliza álcool como combustível, não precisa de chaminé e não produz fumaça.
  • Lareira a gás: não produz fumaça, precisa de tubulação de gás encanado, pode ser controlada por um botão.
  • Lareira elétrica: mais segura, ampla variedade de design, demanda alto consumo de energia.

Dicas gerais

  • A escolha do modelo de lareira depende do tamanho do ambiente a ser aquecido e das instalações existentes no prédio.
  • Para evitar acidentes, instale grades ou portas de vidro temperado em modelos com chamas. 
  • Siga as orientações do fabricante sobre as distâncias mínimas entre a lareira e os eletrodomésticos. 
  • Em modelos a gás ou álcool, coloque um material mais resistente como granito ou pedra ao redor da lareira. 
  • Evite assoalho de madeira próximo ao fogo. O mesmo vale para móveis de madeira ou feitos de MDF.

Aqui você encontra os conteúdos produzidos pelos colaboradores da Loft especialistas em economia, decoração, mercado imobiliário e estilo de vida. São profissionais altamente capacitados e com anos de experiência em produção de conteúdo para te ajudar nas suas principais dúvidas.

Deixe seu comentário

Veja também

parede cobogo porta ar condicionado

Morar com estilo

30 de junho de 2022

Cobogó: o que é e como deixar sua casa mais iluminada e decorada

o que é a matrícula de um imóvel - chave pendurada em uma fechadura - foto: Shutterstock

Mercado imobiliário

30 de junho de 2022

O que é matrícula do imóvel e por que saber disso pode livrar de fraudes

LofTV

29 de junho de 2022

Quadra de beach tennis em condomínios: benefício real ou modinha?

Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com os nossos Termos de Uso e Política de Privacidade e, ao continuar navegando neste site, você declara estar ciente dessas condições.