Quer financiar um apartamento? Confira um passo a passo essencial

Compartilhar a notícia

Financiar um apartamento pode ser uma alternativa interessante para quem deseja morar em um prédio. Confira um passo a passo para realizar o processo!

28 de novembro de 2023

Autor Time Loft
Atualizado: 28 de novembro de 2023 7 min de leitura
financiar um apartamento

Nem todas as pessoas conseguem juntar recursos para comprar um imóvel à vista, mas esse não é um impedimento para alcançar esse objetivo, certo? Se você não tiver o capital necessário para essa aquisição, existe a possibilidade de recorrer ao crédito imobiliário para financiar um apartamento.

Financiar um apartamento não é um processo tão demorado, apesar de ainda existir certa burocracia nesse procedimento. São muitas etapas envolvidas e grande parte das pessoas tem dificuldades de entender como esses trâmites funcionam.

Contar com ajuda profissional é uma alternativa interessante para acelerar a obtenção do valor para a compra e ter mais tranquilidade durante o andamento da negociação. Também vale a pena entender melhor o que será necessário para ter a solicitação aprovada pela instituição financeira.

Quer saber mais sobre como financiar um apartamento e conseguir comprar o seu imóvel? Então, confira um passo a passo com o que é essencial sobre o crédito imobiliário!

Conheça a sua situação financeira

Ter um planejamento financeiro é o primeiro passo para quem deseja financiar um apartamento não correr riscos de se tornar inadimplente no meio do caminho. Afinal, esse tipo de negócio costuma envolver longos períodos, podendo ultrapassar 30 anos até a sua efetiva quitação.

Em um contrato de financiamento, o próprio imóvel financiado é considerado garantia do negócio, por meio da alienação fiduciária. Caso você deixe de pagar as prestações, existe a possibilidade de a instituição que forneceu os recursos tomar o bem para cobrir a dívida. Além disso, você poderá ter que pagar multas e encargos contratuais ou processuais.

A sugestão para evitar isso é revisitar as suas finanças e verificar a disponibilidade de recursos antes de assumir o financiamento. Assim, você saberá se as condições oferecidas pela instituição cabem no seu orçamento para prosseguir com a contratação.

Procure o apartamento desejado

Antes de dar entrada em um financiamento, você deverá pesquisar imóveis e encontrar os apartamentos com características que satisfaçam as suas necessidades e desejos. Essa busca antecipada ajudará a encaixar as suas preferências em seu orçamento e a fazer simulações de crédito.

Por exemplo, quem não tem um veículo próprio poderá se interessar por imóveis que estejam próximo de um metrô ou linha de ônibus. Pessoas com filhos tendem a buscar apartamentos com mais quartos ou em prédios que tenham playground, brinquedoteca, piscina, entre outros pontos.

Após encontrar um apartamento que chame a sua atenção, é válido verificar se a região e a vizinhança atendem às suas expectativas. Se possível, visite o imóvel em horários diferentes para saber mais sobre a mobilidade, trânsito e segurança.

É válido dizer que a tendência é que você more no apartamento financiado por longos anos — geralmente, até o final do contrato. Então todos esses pontos precisam ser considerados para você não se frustrar com a escolha mais tarde.

Anúncios

Escolha a instituição financeira com a melhor taxa

Por muitos anos, as instituições bancárias dominaram o mercado de crédito imobiliário. Afinal, a compra de um imóvel costuma envolver valores expressivos, dificultando a entrada de companhias menores no segmento — principalmente, diante dos riscos.

No entanto, com a evolução da tecnologia e da internet, surgiram as chamadas fintechs. Essas são companhias de serviços financeiros que usam soluções tecnológicas para desburocratizar e facilitar o acesso de seus clientes a diferentes tipos de crédito.

Com isso, novos modelos de negócios foram criados em diferentes setores, em especial no imobiliário. O aumento da concorrência gerado com as fintechs trouxe oportunidades de encontrar melhores taxas de juros nesse tipo de financiamento, trazendo bastante competitividade ao mercado. 

Toda essa movimentação favorece você: com tantas opções, é possível comparar as propostas e escolher aquela que apresenta as melhores taxas de juros e condições de pagamento. Faz sentido né?

Reserve e entregue os documentos necessários para o financiamento

Em geral, os contratos de financiamento imobiliário envolvem três partes: o comprador, o vendedor e a instituição financeira. Nesse modelo de compra, a instituição financeira disponibiliza recursos para o pagamento do imóvel à vista, repassando ao vendedor o valor total da venda de uma vez.

Em contrapartida, o comprador se compromete a realizar o pagamento do montante ao banco, no prazo estipulado e com o acréscimo de juros. Para haver mais garantias nessas operações, uma série de documentos são exigidos para comprovar informações a respeito das partes e do imóvel. 

Veja só!

Documentos do comprador

Para começar, é preciso conhecer a documentação comumente exigida de quem financiará o apartamento. Ela envolve:

  • documentos de identificação (RG e CPF);
  • comprovante de estado civil (certidão de nascimento ou casamento, por exemplo);
  • comprovantes de residência e de renda;
  • declaração de Imposto de Renda (IR).

Documentos do vendedor

Em relação ao vendedor, é comum serem solicitados os seguintes documentos:

  • documentos de identificação (RG e CPF);
  • certidão de nascimento ou casamento;
  • certidões negativas de pendências na Justiça do Trabalho, Estadual, Federal e Eleitoral;
  • certidões negativas quanto a débitos tributários.

Documentos do imóvel

Os documentos do imóvel também precisam ser apresentados no processo. Entre eles, estão:

  • certidão de inteiro teor da matrícula do imóvel e ônus reais.
  • certidão de habite-se;
  • avaliação do imóvel, realizada por um profissional indicado pela instituição financeira;
  • quitação de débitos referente ao imóvel, como condomínio, IPTU e outros.

Facilite a avaliação de crédito

Como você viu, o contrato de financiamento imobiliário envolve o empréstimo da quantia que será usada na compra do imóvel. Por isso, é comum que a instituição financeira realize uma criteriosa avaliação de renda e crédito em relação ao solicitante.

Para muitas pessoas, essa pode ser a fase mais desafiadora desse tipo de contrato, pois nem sempre é possível comprovar renda sozinho. Além disso, é comum que as linhas de crédito só possam ser aprovadas com uma prestação que supere 30% da renda familiar do comprador.

Uma alternativa para aumentar as chances de obter aprovação do financiamento é somar a sua renda com outras pessoas da sua família. Também é preciso garantir que não existam negativações junto aos órgãos de proteção de crédito sem seu nome e em relação aos demais contratantes. 

É possível facilitar a aprovação das financeiras mantendo bons hábitos de pagamentos para melhorar o seu score de crédito. Essa é uma ferramenta bastante utilizada pelas instituições para avaliar os riscos de inadimplência.

Com a aprovação de todas as etapas, o financiamento é liberado e o valor será enviado ao vendedor, no prazo estipulado. O próximo passo será a assinatura e o registro do contrato no cartório para a entrega das chaves.

Conte com ajuda profissional

Você observou que o processo de financiamento habitacional envolve diversas etapas, o que pode gerar dificuldades. Uma alternativa eficaz para trazer mais celeridade e praticidade é contar com o suporte de uma empresa com expertise nesse segmento.

Você aprendeu um passo a passo do que é necessário observar no momento de financiar um apartamento. Então não deixe de segui-lo e de contar com o apoio da Loft para agilizar o processo de aquisição do seu lar.

Quer começar o seu planejamento para obter crédito imobiliário? Faça uma simulação e descubra como podemos ajudar você!

Bateu aquela dúvida na matéria que você leu? Deixe nos comentários que o Time Loft responde!

Tags

Deixe seu comentário

Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com os nossos Termos de Uso e Política de Privacidade e, ao continuar navegando neste site, você declara estar ciente dessas condições.