Brooklin Paulista: um dos bairros mais procurados da cidade

Compartilhar a notícia

Conheça a história do Brooklin Paulista, bairro nobre que se divide entre novo e velho, tradições alemãs e grandes prédios comerciais.

27 de março de 2021

Autor Time Loft
Atualizado: 30 de agosto de 2023 13 min de leitura
brooklin-paulista

Vizinho de Vila Olímpia, Moema e Campo Belo, o Brooklin (antes chamado de Brooklin Paulista) é um bairro nobre e centenário da zona sul de São Paulo que fica praticamente às margens do Rio Pinheiros.

A região sedia um dos pólos empresariais da cidade, em volta da Av. Berrini, e atrai pessoas de variados tipos ao oferecer experiências igualmente variadas de cidade – do canto dos pássaros em uma pracinha bucólica à majestosa Ponte Estaiada.

Como é morar no Brooklin (Paulista, Novo e Velho)

O Brooklin é um bairro da zona sul de São Paulo que atende por vários nomes. Quando surgiu, chamava-se Brooklin Paulista – uma adjetivação relacionada a outro Brooklyn, em Nova York. 

O nome ainda é bastante empregado na cidade, mas hoje é mais comum ouvir falar em suas duas subdivisões: Brooklin Velho (no distrito Campo Belo) e Brooklin Novo (distrito Itaim Bibi).

Pontuando toda a extensão do bairro estão diversas escolas, como Colégio Vértice, uma das melhores escolas de SP de acordo com a nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2019, Green Book School, Colégio Anhembi-Morumbi e Escola Ânima. Devido também à tranquilidade da região e à localização que dá fácil acesso a outras partes da cidade, ter um apartamento no Brooklin é bastante popular entre famílias.

Mas não só! Viver nos arredores da Berrini é opção desejada entre muitos profissionais que trabalham nesse que é um dos centros empresariais de São Paulo. Assim, conseguem ter mais qualidade de vida e perder menos tempo com deslocamentos.

Brooklin é um bairro nobre?

O bairro é um dos cinco mais valorizados de São Paulo em janeiro de 2023 de acordo com levantamento do Especulômetro, ferramenta do Loft Dados sobre preços praticados na cidade. Os últimos dados coletados deixam o Brooklin como o 3º bairro mais valorizado, atrás de Jardim Europa e Vila Nova Conceição. O valor do metro quadrado de um imóvel no Brooklin é de R$ R$11.834.

Ele também está na lista dos condomínios mais caros de São Paulo: segundo levantamento do Loft Dados, em setembro de 2022, o valor médio da taxa no Brooklin era de R$ 12,58 por m² – um apartamento de 80 m², por exemplo, paga cerca de R$ 1.006.76 de condomínio no bairro.

Anúncios

O bairro do Brooklin é perigoso?

O Brooklin é um dos bairros mais seguros da cidade. O Distrito Itaim Bibi, onde fica o DP Monções – que inclui Brooklin, Brooklin Novo, Brooklin Paulista, e outros bairros como Jardim Das Acácias, Vila Cordeiro, Jardim Edith, Vila Funchal, Vila Gertrudes, Ibirapuera, Itaim Bibi, Chácara Itaim, Cidade Monções e Vila Olímpia – tem um dos IECVs (Índice de Exposição aos Crimes Violentos) do Instituto Sou da Paz mais baixos de SP:  3,87, registrado em 2020 – a média em toda a cidade de São Paulo foi de 11.01 em 2020. Quanto mais perto do zero, menor é a exposição à violência.

Como ir para o Brooklin?

Um dos principais destaques do local é justamente a malha de transporte público do Brooklin Paulista, que inclui trens (a Linha Esmeralda corre pela Marginal Pinheiros), metrôs (Linha 5-Lilás) ou ônibus que passam constantemente pela Av. dos Bandeirantes, Av. Professor Vicente Rao, Av. Ver. José Diniz, Av. Jornalista Roberto Marinho, Av. Engenheiro Luís Carlos Berrini e Av. das Nações Unidas.

O que tem no Brooklin?

O bairro está recheado de comércios e serviços e conta com unidades dos principais supermercados da cidade, como St. Marche, Pão de Açúcar e Carrefour, academias, megalojas como Decathlon e Leroy Merlin e ao menos 4 opções de shoppings a menos de 5 quilômetros de distância.

Hotéis também são abundantes na região, especialmente por conta da proximidade com os bairros do Morumbi e o aeroporto de Congonhas. Entre os principais, destacam-se o Novotel São Paulo Berrini e Morumbi, Hilton São Paulo Morumbi, Ibis São Paulo Congonhas e Palácio Tangará.

Morar no Brooklin Velho

Situado mais ao sul, o Brooklin Velho tem perfil predominantemente residencial, mistura casas e prédios e tem ruas mais arborizadas e tranquilas. Aos fins de semana, as vias se enchem de famílias pedalando com suas bicicletas. 

Ali fica a estação de metrô Brooklin (Linha 5-Lilás) e o Parque Cordeiro Martin Luther King. É a parte do Brooklin Paulista mais próxima do Aeroporto de Congonhas.

Morar no Brooklin Novo

Mais a oeste, esse pólo empresarial é marcado pela presença de grandes conjuntos corporativos. Seus prédios residenciais são mais modernos e a Vila Olímpia, que fica ali ao lado, oferece opções de lazer e gastronomia dia e noite.

É nessa parte que fica a estação de metrô Campo Belo (Linha 5-Lilás) e o Bosque do Brooklin. Também é próximo da estação de trem Berrini (Linha 9-Esmeralda) e do Parque do Povo.

A história do Brooklin Paulista

Povoado há mais de um século, o Brooklin ganhou status de bairro em 1922, quando foi oficialmente loteado. Por lá já passava o bonde que trazia movimento à região, marcada pela imigração alemã. Aliás, até hoje as tradições alemãs são muito fortes no Brooklin e há duas grandes festas anuais: Maifest e Brooklinfest.

Foi a empresa responsável pelos bondes, a Light São Paulo, que eventualmente batizou o espaço de Brooklin Paulista. A homenagem aos EUA continuou com nomes de ruas, que misturam cidades, bairros e estados norte-americanos: Michigan, Texas, Miami e Kansas são alguns exemplos.

Nos anos 1960, com a chegada da Estação Berrini da CPTM, o bairro cresceu e foi ganhando contornos corporativos. Com o passar do tempo, foram subindo os prédios e pontes – incluindo aquela que é cartão-postal paulistano, a Ponte Estaiada. 

brooklin noite sao paulo
A bela vista do Brooklin na noite paulistana

O que fazer no bairro do Brooklin Paulista

Além de possuir todas as facilidades de dia a dia (não faltam mercados, agências, lojinhas, restaurantes e padarias, por exemplo) o Brooklin fica perto de 4 grandes shoppings que abrigam centenas de lojas e muitas salas de cinema: JK Iguatemi, Market Place, Morumbi e Vila Olímpia. 

Há também aquelas lojas que se tornam verdadeiras instituições para os moradores, como a loja de jardinagem Jardins Modelo. Em 2020, sofrendo com o efeito da pandemia nos negócios, Nelson Simeão, dono da loja, colocou um pedido simples na porta: “Ajude-me a sair da falência. Firma com 50 anos de vida”.

Comovido, um vizinho tirou uma foto e postou na internet. O post viralizou e centenas de pessoas fizeram fila na porta para adquirir produtos da loja, que hoje tem presença online e mais de 60 mil seguidores. 

Para quem gosta de verde, a localização é privilegiada: são poucos minutos de distância do Parque do Povo e do Parque Ibirapuera. Para completar, dentro do próprio Brooklin há o Bosque do Brooklin e diversas pracinhas, além da ciclovia na Av. Berrini.

Para festejar suas raízes, anualmente o Brooklin se veste nas cores da bandeira alemã e recebe multidões para duas festas: Maifest (em maio) e Brooklinfest (em outubro). Além de comidas e bebidas típicas, como salsichões, joelho de porco assado, chucrute e chope, há apresentações de dança e venda de artesanato.

Apresentação de Dança no Bairro do Brooklin Paulista
Apresentação de dança alemã durante o Maifest, em 2017: um dos pontos altos do Brooklin Paulista

Shoppings no Brooklin

JK Iguatemi (Av. Pres. Juscelino Kubitschek, 2041)

Parte do Grupo Iguatemi, uma empresa que soma 16 shoppings, 2 outlets e 4 torres comerciais no Sul, Sudeste e DF, o JK Iguatemi conta com mais de 180 lojas – entre elas as grifes internacionais Balenciaga, Saint Laurent, Bottega Veneta, Prada, Chanel e Bulgari. Em 2022, o estabelecimento completou 10 anos como um dos principais polos de moda de luxo do Brasil e uma frequência de 7 milhões de pessoas ao ano. Entre os serviços, estão à disposição dos visitantes valet, fraldário e ambulatório, empréstimo de carrinho de bebê e cadeira de rodas, carregador de compras e lounge, além de 8 salas de cinema da rede Cinépolis, e mais de 30 opções de cafés, lanchonetes e restaurantes, dois supermercados/empórios e 1,7 mil vagas de estacionamento.

Horário de funcionamento:

Lojas e Quiosques: De segunda a sábado, das 10h às 22h, e aos domingos, das 14h às 20h, com abertura opcional das lojas às 12h.

Alimentação: Todos os dias, das 11h às 22h

Shopping Vila Olímpia (R. Olimpíadas, 360)

Parte do grupo Multiplan, o mesmo que administra o Morumbi Shopping, o Vila Olímpia reúne mais de 220 lojas, 70 opções de alimentação, 7 salas de cinema e oferece 1,5 mil vagas de estacionamento aos clientes – grande parte formada por moradores e profissionais que trabalham nos (muitos) prédios comerciais da região. Entre as opções de lazer, destacam-se o Teatro Claro SP, com capacidade para cerca de 700 pessoas, e o Villa Bowling, inspirado nos mais luxuosos boliches de Las Vegas, conta com 12 pistas e equipamentos e tecnologia importados dos EUA, telas de LCD para marcação dos pontos, iluminação especial e bolas criadas pelo estúdio italiano Pininfarina, responsável pelo desenho de alguns modelos da Ferrari. Outras facilidades oferecidas pelo shopping são: empréstimo de cadeira de rodas e carrinhos para pets, banheiros adaptados, ponto de recarga para carros elétricos/híbridos, ponto de táxi e centro ecumênico.

Horário de funcionamento:

Lojas e Quiosques: De segunda a sábado, das 10h às 22h. Domingos e Feriados, das 14h às 20h.

Praça de Alimentação e Restaurantes: Todos os dias, das 11h às 22h.

Boliche: De segunda a sexta, das 12h à 0h. Sábados, das 11h à 1h. Domingos e Feriados, das 11h à 0h.

Cinema e Teatro: de acordo com a programação.

Shopping Market Place (Av. Dr. Chucri Zaidan, 902)

Outro shopping que integra o Grupo Iguatemi, o Market Place foi o primeiro empreendimento de uso misto da rede, com duas torres de escritórios junto ao conjunto comercial. O shopping concentra mais de 200 lojas, serviços, alimentação e lazer em seus 93.978 m² de área construída. Inaugurado em 1995, oferece aos clientes bicicletário, valet, fraldário e empréstimo de cadeira de rodas e de carrinhos de bebê, além de 2 mil vagas de estacionamento e mais 8 salas de cinema da rede Cinemark. Por ano, mais de 5 milhões de pessoas usufruem das opções de compras e serviços do shopping.

Horário de funcionamento:

Lojas: De segunda a sábado: 10h às 22h, e aos domingos e feriados, das 14h às 20h

Alimentação: Todos os dias, das 11h às 22h

Morumbi Shopping (Av. Roque Petroni Júnior, 1089)

É o shopping mais próximo da Estação Brooklin: apenas 10 minutos separam o metrô do shopping, um dos maiores e mais antigos da cidade: inaugurado em 1982, reúne 500 lojas, quase 3,6 mil vagas de estacionamento, 64 opções de alimentação, entre restaurantes, fast food e cafés, uma sala de teatro com capacidade para 240 pessoas e duas zonas de recreação (Hot Zone e Play Space), tudo isso em um total de 214.426 m² de área construída. Reúne desde grandes marcas de fast fashion como Zara, Renner e C&A até grifes internacionais e restaurantes renomados como Louis Vuitton, Pobre Juan e Pirajá. O shopping também hospeda uma unidade da academia Companhia Athlética, um spa, um posto dos Correios e uma unidade da CEMA – Medicina Especializada, além de farmácias e empórios. 

Horário de funcionamento:

Lojas: Segunda a Sábado, das 10h às 22h. Domingos e Feriados, das 14h às 20h

Alimentação: Praças de Alimentação e restaurantes abertos diariamente das 11h às 23h

Drogarias: De segunda a sábado, das 10h às 22h. Domingos e feriados, das 14h às 20h

Hot Zone: De segunda a sexta, das 14h às 22h. Sábado das 13h às 22h. Domingo e feriado das 13h às 21h

CEMA: De segunda a sábado, das 9h às 17h

Cia Athlética: De segunda a sexta, das 5h à 0h, e aos sábados e domingos, das 8h às 15h

Onde comer no Brooklin Paulista

A gastronomia no Brooklin Paulista atende todos os gostos. Há a famosa picanha na chapa do Bar do Juarez, os grelhados argentinos do Portucho e os quitutes portugueses da Quinta do Olivardo. Esse último, também chamado de Tasca do Brooklin, é filial do tradicional restaurante localizado na cidade de São Roque. No cardápio da filial paulistana está o menu completo de bacalhaus e pratos como o Bitoque (filé mignon, molho madeira, ovo frito e batatas douradas) e a Espetada Madeirense (uma versão dos nossos espetinho de carne). Funciona todos os dias, das 11h às 17h.

Outro ponto forte do bairro é o Charme do Brooklin. O local, um dos mais buscados da região, oferece café da manhã, almoço, jantar e Happy Hour com música ao vivo, além de um amplo espaço para confraternizar, seja com colegas, amigos ou em família. O cardápio atende a todas as refeições: croissants, minutos. ovos, sucos, risotos, massas e aperitivos – e muitas outras opções – atendem aos mais variados gostos e horários. Funciona das 7h à 0h de segunda a quarta, das 6h à 0h às quintas e sextas, e das 11h à 0h aos sábados. Fecha domingo

Perto dali é possível provar as delícias do La Guapa, da famosa chef argentina Paola Carosella. No cardápio, empanadas de todos os tipos – com opções vegetarianas. Para o almoço, a pedida é o Menu Guapa, com duas empanadas e salada fresca. Para sobremesa, o tabletón (camadas de massa crocante intercaladas com doce de leite e polvilhadas com cacau) impera. Funciona de segunda a sexta, das 10:00 às 22:00, e aos finais de semana das 12h às 22h.  

E a volta ao mundo não para por aí: há ainda as massas da Vicolo Nostro, o choripán do Chimi Choripanes y Drinks e até uma empreitada especializada em pães de queijo, a Formaggio Mineiro. Além do carro-chefe, feito com queijo Serra da Canastra e parmesão, há opções de gorgonzola e até de chocolate!

Por fim, vale destacar as opções germânicas locais, como os restaurantes Zur Alten Mühle, Armazém do Alemão, Die Meister Stube e Jucalemão.

Morar no Brooklin Paulista: confira as opções da Loft!

Seja para morar perto do trabalho, no Brooklin Novo, ou para ter mais tranquilidade com a família, no Brooklin Velho, a Loft tem ótimas opções para você!

Bateu aquela dúvida na matéria que você leu? Deixe nos comentários que o Time Loft responde!

Tags

Veja também

Como é morar em Osasco - SP

Bairros

09 de dezembro de 2023

Como é morar em Osasco - SP?

Divida de cartao de credito

Assuntos financeiros

08 de dezembro de 2023

Dívida de cartão de crédito: 7 dicas para sair do vermelho

Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com os nossos Termos de Uso e Política de Privacidade e, ao continuar navegando neste site, você declara estar ciente dessas condições.