Como escolher o tapete para a sala e outros ambientes

Compartilhar a notícia

Saiba como decorar cada cômodo com modelos de diferentes cores, tamanhos e formatos

02 de dezembro de 2022

Autor Time Loft
Atualizado: 11 de setembro de 2023 7 min de leitura
tapetes-decoracao-sala

Os tapetes são grandes aliados na hora de decorar os ambientes. Eles delimitam espaços, deixam os cômodos mais acolhedores, além de proporcionar conforto térmico e acústico.

Tapete é uma peça importantíssima. É ele que dá o aconchego e faz a ligação entre toda a decoração, diz a arquiteta Ieda Korman. Por isso, ela recomenda que esse item seja escolhido por último, depois dos móveis. Assim, é possível combinar melhor as cores e as texturas, além de saber qual tamanho mais adequado.

Sala de estar com sofá, quadros e janela à esquerda. À frente, tapete colorido, com desenho geométrico
Quando a base da decoração é mais neutra, o tapete pode ter cores e padronagens que chamem mais atenção. Projeto: Estúdio Glik de Interiores. Foto: Divulgação

Segundo a especialista, o tapete deve sempre ser pensado junto com os outros tecidos, como as almofadas e o estofado do sofá. Ela explica que não é necessário que eles tenham a mesma tonalidade, mas devem estar em harmonia.

Se a base do ambiente for mais neutra, é possível ousar mais na cor e na padronagem do tapete. Agora, se o resto for mais vibrante, a peça deve ser mais discreta.

Além da parte estética, é essencial entender a dinâmica da casa antes de decidir os tapetes, afirma a designer de interiores Daniela Berland, do Estúdio Glik de Interiores. Ela explica que, se na casa houver crianças ou animais, por exemplo, o tapete precisa ser fácil de limpar e de manter. Já se um dos moradores for uma pessoa com alguma questão alérgica, deve-se dar preferência aos modelos sintéticos.

Veja, a seguir, o que avaliar na hora de escolher o tapete para cada cômodo.

Tapete cobre toda a sala, na cor cinza, com alto relevo. Cor combina com os móveis da sala, também em cinza, preto e branco. Sala com sofás, poltronas, mesas de centro e janelas ao fundo
Nesta sala, o desenho em alto relevo do tapete combina com o estofado das poltronas. Projeto: Ieda Korman. Foto: Eduardo Pozella

Tapete para sala de estar

A peça deve agrupar um conjunto de móveis para ajudar a demarcar o ambiente, afirma Daniela Berland. Por isso, é fundamental escolher um tapete grande, que envolva todo o mobiliário e amplie visualmente o local.

Se for um modelo retangular ou quadrado, o ideal é que ele esteja debaixo dos pés dianteiros do sofá, entrando no mínimo 20 cm para dentro do móvel, recomenda Ieda Korman. A peça também deve exceder a largura do sofá em pelo menos 20 cm de cada lado. As poltronas podem ficar só com os pés dianteiros sobre o tapete ou totalmente inseridas dentro dele.

Tapete na sala de estar cinza, delimitando espaço junto ao sofá e duas poltronas.
Ao abarcar todo o mobiliário, o tapete ajuda a delimitar esse ambiente e ampliar visualmente o espaço. Projeto: Estúdio Glik de Interiores. Foto: Júlia Ribeiro

Quem quiser dar um ar mais rústico à sala pode optar por um tapete de fibra natural, como a palha, a juta, o rattan ou o couro.

Tapete na sala de jantar em bege e preto, com estampa, logo embaixo da mesa e das cadeiras, com uma grande janela ao fundo
Na sala de jantar, o tapete deve ser fácil de limpar e precisa envolver a mesa e todas as cadeiras. Projeto: Estúdio Glik de Interiores. Foto: Júlia Ribeiro

Tapete para sala de jantar

Ieda Korman afirma que, na maioria dos seus projetos, não tem usado mais tapete debaixo da mesa de jantar. O principal motivo é facilitar a limpeza no dia a dia, já que a comida acaba caindo no chão.

Para quem deseja ter um tapete na sala de jantar, a arquiteta orienta fugir de modelos muito delicados. Ele tem que ser resistente, porque os pés das cadeiras vão para frente e para trás. Além disso, é importante que seja feito de um material fácil de ser higienizado.

Ela indica o nylon, que não deve ser muito peludo, e o kilim, que exige uma proteção na parte debaixo para não escorregar. Outra orientação de Ieda é evitar tapetes de palha ou materiais similares porque, se cair um vinho, por exemplo, não tem como limpar.

O tapete também deve ser maior que a mesa, abarcando as cadeiras também quando estão abertas. Para não errar na hora de comprar a peça, meça as dimensões do móvel e acrescente pelo menos 60 cm de cada lado.

Tapete peludo para sala de TV em azul escuro, colocado entre o sofá cinza e o rack roxo. Ao fundo, escada e uma grande ilustração na parede de dois pés azuis
O tapete peludo é uma ótima opção para a sala de TV; o modelo não é indicado para ficar em ambientes de passagem e embaixo da mesa de jantar. Projeto: Ieda Korman. Foto: JP Image
Anúncios

Tapete para a sala de TV

Uma boa opção para a sala de TV é um tapete peludo, confortável para ficar descalço ou até mesmo deitado. Mas, ao escolher esse modelo, é preciso ter em mente que ele acumula mais pó, em razão da altura dos fios, ressalta Daniela Berland. Ele também não é indicado para um local de passagem, porque vai estragar com mais facilidade, afirma Ieda Korman.

Tapete para quarto

Nada mais incômodo do que sair da cama quentinha e já pisar no chão gelado. Por isso, é necessário ter uma peça macia e confortável, que pode ser de pelinho ou de fibra de algodão, por exemplo.

É possível usar um tapete grande e único, que fique embaixo da cama, ou duas passadeiras, uma de cada lado. No primeiro caso, vale escolher um modelo que saia pelo menos 50 cm para fora das laterais e do pé da cama, indica Ieda Korman. Para facilitar a manutenção, uma dica é comprar um modelo recortado em “U” que envolva a cama, recomenda Daniela Berland, pois, assim, não será preciso removê-lo para fazer a limpeza.

No segundo caso, as passadeiras devem se estender por toda a lateral da cama. Um cuidado é colocar um antiderrapante embaixo delas, para que a pessoa não escorregue no meio da noite ao se levantar.

Tapete de crochê cru, no quarto, ao lado da cama. O tom claro combina com os lençóis brancos e paredes claras
No quarto, o ideal é que o tapete exceda o limite da cama em pelo menos 50 cm. Projeto: Ieda Korman. Foto: JP Image

Tapete para cozinha

Nesse ambiente, o ideal é que a peça absorva bem a água e seja fácil de limpar. Modelos de fibra sintética são uma ótima opção para isso, sugere Daniela Berland.

Tapete para banheiro

Modelos atoalhados (ou seja, feitos com o mesmo tecido de toalha) são a melhor escolha, porque absorvem a água, além de serem leves e laváveis. Para evitar acidentes, é essencial que o tapete tenha um fundo emborrachado e antiderrapante.

Diferentes formatos de tapetes

Tapete pequeno

Numa sala pequena, por exemplo, é um erro optar por um tapete pequeno, porque isso faz o espaço parecer ainda menor. Para dar uma sensação de amplitude ao cômodo, também vale dar preferência a cores mais claras. É possível usar modelos menores no banheiro, na cozinha ou em frente a portas, por exemplo.

Tapete redondo

Em uma sala de estar, o tapete redondo deve ser posicionado sempre no meio do ambiente, entre o sofá e as poltronas. Nesse caso, é preciso ter cuidado na escolha da mesa de centro, diz Ieda Korman. Se ela for quadrada, pode ficar esquisito. O melhor é ter uma mesa redonda ou um jogo com uma peça quadrada ou retangular e outras duas redondas, exemplifica a especialista. Também é possível usar os modelos redondos no meio de quarto de bebê ou em um banheiro, por exemplo.

Tapete moderno

Para um ar mais moderno, uma alternativa é usar um tom neutro na decoração e só o tapete com uma cor bem vibrante, sugere a arquiteta. Se a pessoa tem tudo off white, afirma, ela pode apostar em um tapete turquesa e almofadas com turquesa, verde e amarelo, por exemplo. Isso vale para a sala de estar, para o quarto ou quarto outro cômodo.

Colaboração de Carolina Muniz

Bateu aquela dúvida na matéria que você leu? Deixe nos comentários que o Time Loft responde!

Tags

Deixe seu comentário

Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com os nossos Termos de Uso e Política de Privacidade e, ao continuar navegando neste site, você declara estar ciente dessas condições.