Apartamento pequeno decorado: 12 dicas de como fazer

Compartilhar a notícia

Você sabia que é possível viver em um apartamento pequeno, funcional e decorado? Veja 12 dicas de como otimizar seu espaço!

28 de abril de 2023

Autor Time Loft
Atualizado: 17 de agosto de 2023 12 min de leitura
Apartamento pequeno decorado - 12 dicas de como fazer

Os ambientes compactos estão cada vez mais comuns na vida das pessoas. Além de serem mais baratos, eles são práticos para limpar e ajudam a otimizar o tempo dos moradores. Porém, um desafio para quem vive em espaços pequenos é saber como decorá-lo, garantindo personalidade, mobilidade e conforto.

Na prática, existem diversas dicas para ter um apartamento pequeno decorado e funcional. Para atingir esse objetivo, é preciso pensar em itens que combinem com os moradores e cumpram a função de facilitar a rotina. Assim, todo o processo de decoração é direcionado ao bem-estar de quem viverá ali.

Dessa forma, vale a pena pensar nos detalhes e se planejar para começar a decorar os cômodos. Com organização, paciência e pesquisa, você perceberá que é viável ter qualidade de vida em qualquer ambiente sem perder a sua personalidade.

Se você está pesquisando como decorar um apartamento pequeno com personalidade, aproveite as 12 dicas deste artigo. Continue a leitura e confira!

1. Conheça o tamanho dos cômodos

Antes de comprar móveis, é importante que você tenha em mente qual é o espaço disponível no seu apartamento. Portanto, essa dica é o ponto de partida na hora de pensar em um apartamento pequeno decorado. 

Para tanto, busque o projeto do imóvel para ver as medidas de cada espaço. Caso não tenha acesso a ele, utilize uma fita métrica e meça o tamanho de cada cômodo. Essas anotações servirão para guiar as suas compras.

Isso é relevante porque, muitas vezes, as pessoas se empolgam com novos itens sem saber se conseguirão organizá-los de maneira confortável e inteligente no imóvel. Por outro lado, ter a metragem em mãos permite adquirir os itens certos para aproveitar o espaço da melhor forma. 

Você também pode marcar o ambiente utilizando uma fita adesiva branca que replique o contorno do tamanho dos móveis que você deseja comprar. Essa disposição dos itens permite visualizar quanto espaço livre sobrará e como o ambiente ficará depois de pronto.

2. Escolha uma boa paleta de cores

Após conhecer o tamanho dos cômodos, é hora de pensar na coloração das paredes. As cores do ambiente modificam como ele é percebido pelas pessoas, inclusive em relação ao espaço disponível. Logo, a escolha da paleta pode dar a sensação de amplitude nos espaços.

Cores claras, como branco, cinza e tons pastel são indicadas para aumentar o ambiente. Essa impressão é causada pelos efeitos da luz refletida pelas cores. Ademais, a escolha de uma paleta permite que o apartamento fique harmonizado e todos os cômodos se conectem.

Portanto, decida quais tintas e locais serão pintados pensando na luminosidade e na relação que se construirá entre os espaços. Se você deseja ter um ambiente mais colorido, pode ousar mais nas cores do banheiro, utilizando ladrilhos ou azulejos, por exemplo. 

Outra maneira é usar almofadas, itens decorativos e luminárias de tons variados. Dessa maneira, as cores claras estarão nas paredes e as cores mais fortes aparecerão nos detalhes — o que é uma forma de garantir a personalidade ao lar, enquanto garante uma sensação de amplitude.

Anúncios

3. Aposte nos espelhos

Além da paleta de cores, os decoração com espelhos podem ajudar a ampliar o ambiente. Para tanto, é essencial posicioná-los em locais estratégicos. Por exemplo, um espelho na sala pode dar mais profundidade ao cômodo. Assim, a sensação das pessoas é de um ambiente maior.

Outra vantagem desse item é que ele é bastante funcional e versátil, podendo ser usado nas paredes do quarto e utilizado diariamente pelos moradores, por exemplo.

4. Opte por portas de correr

Mais uma maneira de integrar ambientes e evitar ocupar espaços desnecessários ao montar um apartamento pequeno e decorado são as portas de correr. Com elas, há mais espaço livre para movimentação, já que não é preciso considerar a área de abertura das portas.

Outro ponto positivo é que esse tipo de porta pode substituir as paredes de alvenaria que dividem os cômodos. Além de serem funcionais, as portas de correr podem ser feitas de diferentes materiais. Então a utilização delas depende da intenção de cada morador.

Uma alternativa é utilizar uma porta de vidro que permita a passagem de luz na cozinha, englobando dois ambientes e permitindo a entrada de claridade.

No quarto, a porta de correr pode ser utilizada no guarda-roupa. Assim, o espaço que sobra serve para outras finalidades e garante uma maior mobilidade. Nos armários, elas podem receber espelhos, aumentando a percepção de espaço no cômodo.

5. Pratique o minimalismo

Você está percebendo ter um apartamento pequeno decorado com qualidade exige mais planejamento, certo? Nesse quesito, o minimalismo pode ser uma solução. Isso significa que ter móveis e itens planejados sem excesso também ajuda a manter uma casa decorada com praticidade.

Uma dica para colocar o minimalismo em prática é utilizar elementos que reflitam sua personalidade. Desde cores até objetos decorativos, analise o que faz parte do seu perfil e transforme a atmosfera do apartamento.

Esse conceito aposta em uma arquitetura clean, com formas geométricas simples e retas. Dessa maneira, os ambientes se tornam harmônicos e com design moderno. A ideia é que os objetos sejam utilizados para manter o lugar discreto e sem muita informação à vista.

Mesmo com menos almofadas, porta-retratos e quadros, por exemplo, é possível montar um lar com identidade — e isso também vale para a mobília. Então aposte em móveis sob medida ou bem pensados, que cumpram suas funções e sejam fáceis de limpar.

6. Integre ambientes

Até aqui, você viu a importância de integrar ambientes, pois essa é uma forma de fazer combinações bonitas e confortáveis em espaços pequenos. Assim, sala e cozinha podem se unir para receber convidados e reservar um espaço privado para descanso.

Nesse contexto, é possível utilizar o conceito da cozinha americana. Nela, os balcões servem como mesa e divisória para sala. Além de otimizar o espaço, a convivência muda, pois todas as partes se relacionam.

Em alguns casos, a integração ocorre entre cozinha e lavanderia, o que também é uma forma de economizar espaço. A junção dependerá das possibilidades apresentadas pela planta do apartamento.

Na decoração, você consegue resultados incríveis com criatividade, brincando com as cores desse espaço. Além disso, é interessante utilizar objetos de materiais parecidos ou que tenham alguma conexão em todos os cômodos, ajudando a ter um lar mais harmônico.

7. Utilize móveis suspensos e funcionais

Outra maneira de otimizar o espaço é com a utilização de móveis suspensos e funcionais. Essa alternativa garante a sensação de continuidade e leveza, pois os armários e bancadas deixam o chão livre para passagem e ainda podem ser utilizados para decoração.

Se o cômodo for integrado, outro recurso é usar um único material no piso. Esse revestimento homogêneo atrelado aos móveis suspensos promove sensação de amplitude, além de proporcionar mais espaço para se movimentar.

No caso de móveis funcionais, eles podem fazer a diferença em cômodos pequenos. Isso porque quem não pode ter um quarto de hóspedes tem a possibilidade de adquirir um sofá-cama para quando for receber visitas, por exemplo. Então você não se priva de hospedar familiares e amigos por falta de espaço.

Outro ponto importante é a organização. Como em um apartamento pequeno os armários devem ser bem planejados, uma forma de economizar espaço é aproveitar a área disponível embaixo da cama para guardar objetos ou roupas. A medida garante um ambiente visualmente limpo no quarto.

Ademais, o uso de prateleiras que se encaixam entre os móveis é benéfico no quesito funcionalidade, podendo ser aplicado em qualquer ambiente. Por exemplo, o porta-tempero na cozinha pode ser otimizado e ocupar um espaço pequeno ao lado do fogão ou da pia.

8. Tenha uma boa iluminação

Mais um fator determinante para decorar lugares pequenos é a boa iluminação. Seja ela natural ou artificial, a luz do ambiente modifica a forma como as pessoas se relacionam com ele, especialmente devido à perspectiva de dimensão do lugar.

Se for possível, opte por cômodos com janelas grandes ou escolha lâmpadas e formas de iluminar a casa que traga mais vida aos espaços. Como todas as outras escolhas serão impactadas pela iluminação, analise qual sensação você deseja para cada cômodo da casa.

A luz branca torna o espaço mais artificial, mas é estimulante e garante mais foco, enquanto a amarela dá um ar aconchegante e natural. Então uma ideia é utilizar a branca em escritório, por ser um ambiente de estudo e trabalho. No caso da amarela, ela serve melhor para quarto ou sala.

Se for possível, a área de serviço é um espaço adequado para ter mais luz e ventilação natural. Um dos motivos é que esse ambiente serve para lavar e secar roupas, tornando importante essa questão. Cabe ressaltar, ainda, que a iluminação é fator determinante para quem deseja muitas plantas que dependam de luz.

9. Use organizadores

Na mesma ideia dos móveis suspensos, os organizadores permitem que seu apartamento fique arrumado. Com eles, há menos chances de precisar lidar com bagunça nos ambientes e você saberá exatamente onde achar o que procura.

Esses itens podem ser usados como forma de decoração ou apenas organização. No primeiro caso, você pode utilizar organizadores para colocar a chave e outros itens de uso diário pendurados perto da porta. Os suportes para casacos na sala também são bem-vindos.

Outro cômodo que pode se beneficiar do uso de organizadores é a cozinha. Aqui, eles podem ser usados para pendurar objetos que se relacionam com o ambiente, bastando verificar os lugares em que esses suportes trarão praticidade para o cotidiano.

Por outro lado, se você deseja apenas tornar o ambiente funcional e minimalista, é possível colocar suportes, ganchinhos ou cestos dentro dos armários. Dessa maneira, a limpeza externa é feita mais facilmente e o ambiente fica visualmente agradável.

10. Nivele a varanda à sala

Ainda no assunto integração, uma forma de aumentar sua área útil é unir a sacada à sala. Dependendo da construção, você consegue retirar a porta que separa esses dois espaços e fechar a varanda com vidro, fazendo com que eles se tornem um cômodo só, com diferentes possibilidades de organização.

Para evitar ambientes fragmentados ou sem uso, a junção desses espaços tende a ser positiva. Ao expandir a sala, você pode comprar uma mesa ou um sofá maior, por exemplo, ou até mesmo montar um canto para leitura.

Para quem tem filhos, essa alteração pode permitir que a criança tenha um espaço para brincar. Logo, essa é uma dica para quem não quer apenas parecer estar em um lugar maior, mas sim ganhar espaço real no apartamento.

11. Escolha as plantas com atenção

Mesmo com as limitações de espaço, muitas pessoas almejam encher seu lar de plantas. Isso porque ter jardins não é mais privilégio das casas. Aos poucos, as plantas ocuparam sacadas, cozinhas, salas e demais cômodos do apartamento.

Com um pouco de planejamento, um jardim ou plantas em diferentes espaços podem virar realidade. Como os vasos de chão ocupam espaço, pode ser mais interessante buscar alternativas que sobrevivam ao interior do imóvel e que gostem de lugares compactos.

Uma possibilidade é montar um jardim suspenso. Existem diferentes tipos, como os fixados no teto com estruturas de sustentação que combinem com a decoração. Na parede, as plantas não consomem espaço e dão vida ao apartamento. 

Essa também é uma maneira de decorar sem gastar muito dinheiro. Para quem gosta de samambaias, colocá-las em cima de armários também pode funcionar. Elas participam da decoração e podem ser usadas para dar um toque diferenciado no ambiente.

Outra alternativa que auxilia o dia a dia dos moradores é cultivar uma mini-horta, seja na cozinha ou na sacada. Com ela, você sempre terá salsinha, cebolinha, pimenta e outros temperos frescos e prontos para uso.

12. Desconstrua um cômodo

Por fim, vale considerar que muitos apartamentos possuem um quarto sem uso ou que será utilizado como escritório. Integrar esses espaços pode ser uma opção simples, pois basta tirar a parede e aumentar o quarto ou a sala.

Essa é uma solução para imóveis com plantas pequenas e muitas divisórias. Afinal, quanto menos parede, mais amplo o ambiente será. Portanto, verifique a possibilidade de transformar um quarto sem uso em um cômodo mais amplo, trazendo ainda mais possibilidades para a decoração.

Você viu que montar um apartamento pequeno decorado não é uma missão impossível. Com um pouco de criatividade e colocando as 12 dicas deste artigo em prática, é possível transformar seu lar em um ambiente bonito, funcional e com personalidade.

E se você está procurando apartamento para comprar e deixar super decorado, a Loft tem muitas opções para você!

Bateu aquela dúvida na matéria que você leu? Deixe nos comentários que o Time Loft responde!

Deixe seu comentário

Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com os nossos Termos de Uso e Política de Privacidade e, ao continuar navegando neste site, você declara estar ciente dessas condições.