10 fachadas de casa para se inspirar

Compartilhar a notícia

Responsável por causar o primeiro impacto de um imóvel, as fachadas refletem muito do estilo dos moradores e merecem atenção especial

11 de janeiro de 2023

Autor Time Loft
Atualizado: 25 de agosto de 2023 15 min de leitura
fachada-casa-principa-entardecer

A primeira impressão é a que fica. Essa é uma verdade tanto para pessoas quanto para imóveis. E, no caso do segundo grupo, a fachada da casa é a principal responsável por passar essa imagem. Ela é o cartão de visitas da construção e impacta especialmente quem quer comprar uma casa, ajudando a valorizar o imóvel na negociação.

O que é a fachada da casa?

Ao contrário do que diz o senso comum, fachadas são todas as faces visíveis de um imóvel, e não só o muro ou a frente – essa é chamada de fachada externa principal. As laterais e o fundo da casa também são fachadas e, no caso de prédios, os corredores e portas dos apartamentos são chamados de fachadas internas.

As fachadas podem passar muitas informações sobre o modelo de casa, quem são os moradores e seu estilo de vida: se é movimentado, precisam de uma garagem de fácil acesso em uma das fachadas; se primam pela privacidade, altos muros e quase nenhuma visão interna da casa costumam ser as escolhas; é arrojado e foge do comum? A fachada moderna é sempre uma opção.

Seja qual for seu estilo, existe uma fachada de casa que pode refleti-lo. Listamos aqui os 10 principais tipos de fachadas de casa.

Fachada de casa moderna com formas geométricas, em branco e madeira, com jardim e árvores na frente
Fachadas de casas modernas valorizam a geometria e estilo únicos. Foto: Shutterstock

1. Fachadas de casas modernas

Fachada moderna traseira da casa com paredes em vidro e piscina em frente
Na fachada de trás, muito vidro e integração com a piscina. Foto: Shutterstock

Linhas retas, composição geométrica e cores neutras: as fachadas de casa modernas primam por esses três pilares na hora de sua composição. É comum que esse tipo de fachada seja visualmente dividido por “blocos”, com tipos diferentes intercalados para atingir o visual final. É o tipo de fachada mais escolhida para casas de luxo.

Aço, chapa galvanizada, cimento queimado e madeira são os revestimentos para fachada de casa mais escolhidos para dar personalidade e criar um ponto de interesse ao lado das faces lisas e retas. Portas de vidro ajudam a montar o visual moderno final para a frente da casa. Nas cores, os básicos preto, branco, marrom e cinza são os mais usados.

Na fachada do fundo, voltada para jardim, piscina ou áreas de lazer, a aposta é por grandes janelas, que ajudem a integrar o exterior com o interior e aumentar a incidência de luz solar dentro da casa.

Anúncios

2. Fachadas de casas simples

Fachada de casa simples, com um andar, porta de garagem cinza, porta simples branca e duas janelas com vidro do chão ao teto. Na frente, um gramado simples
A fachada de casa simples aposta por um estilo mais minimalista no exterior. Foto: Shutterstock

As fachadas de casa simples valorizam o básico e prezam por conforto visual e praticidade. Sem revestimentos especiais – e caros – que exijam manutenção extra, quem aposta por fachadas mais simples procura valorizar o interior, mas sem descuidar o exterior – simples não é o mesmo que desleixado.

Aqui, o gesso branco, as linhas clássicas e a facilidade no acesso à casa são os pontos mais importantes, especialmente para a fachada principal. Um detalhe em tijolo ou um pequeno jardim ajudam a valorizar o visual sem excessos. A garagem pode ser fechada ou aberta, dependendo do local onde o imóvel está – as abertas são ideais para casas em condomínios fechados.

Uma fachada de casa com porcelanato também pode ser uma opção simples para o imóvel, mas sem perder de vista o estilo.

3. Fachadas de casas simples com varanda

Fachada de casa branca com dois andares, branca e cinza, com varanda com duas cadeiras na parte da frente, ao lado da entrada e da garagem, e com jardim na frente da varanda
Quando localizada na parte da frente da fachada, a varanda costuma ser mais simples e com espaço para receber visitas. Foto: Hendrickson Photography/Shutterstock.com

Como falamos acima, simples não quer dizer sem graça. Para dar vida a uma fachada simples, a varanda é um grande aliado. É uma maneira de valorizar a fachada gastando pouco e ainda adicionar um espaço de lazer multifuncional à casa: a varanda pode acolher um jardim, um espaço com poltronas para descanso, uma área gourmet, com churrasqueira e mesas para reunir amigos e família, ou todas essas opções juntas.

Ela também pode ser adicionada em qualquer parte da fachada: se estão na parte da frente da casa, costumam ser mais simples e apostar em plantas e poltronas para receber visitas; na parte dos fundos serve de área de lazer dos moradores; no caso de sobrados, pode ser instalada no andar superior, como uma sala íntima ao ar livre; nas laterais, costuma integrar os cômodos à fachada exterior.

Madeira e porcelanato são os pisos mais escolhidos, mas dependem do uso dado ao espaço: madeira é um material acolhedor e um excelente isolante térmico e acústico, sendo muito usado em casas no interior, especialmente em locais frios como casas em Porto Alegre e na Região Sul no geral. Mas, estando na parte externa, está exposta à ação do clima e necessita de manutenção constante. Também não é a melhor escolha caso a ideia da varanda seja receber um espaço para churrasco – aqui, o porcelanato é melhor.

Interior de varanda na fachada de uma casa em um lugar frio, com neve ao fundo, e mesa com cadeiras na parte da frente da imagem
A madeira é uma excelente opção para a varanda em lugares frios, mas exige manutenção constante para evitar o desgaste causado pelo clima. Foto: Shutterstock

4. Fachada de casas térreas

Fachada de casa térrea com frente em madeira e garagem em branco. Telhado em angulo inclinado de maneira lateral
A madeira e a forma diferente do telhado criam um visual interessante na fachada desta casa térrea. Foto: Shutterstock

As fachadas de casa térrea podem ser modernas ou simples, como o morador preferir. Sem os andares superiores, elas podem impactar e valorizar o imóvel, e ainda reforçar a integração com o exterior, criando mais espaço para o lar.

Como conta com menos espaço – e parte dele é tomado pela garagem -, as versões mais ousadas apostam elementos fortes como placas de aço, cores vibrantes, cimento queimado e painel ripado para destacar a fachada, especialmente a da frente. Mas cuidado na hora de escolher esse “ponto de interesse” e deixar o visual sobrecarregado. Quando falamos de fachadas de casas térreas, menos é mais.

5. Fachada de casas pequenas

Fachada traseira de casa pequena com dois andaresm em azul acinzentado, com jardim com gramado e moitas
Jardim ajuda a destacar a fachada de casas pequenas e também amplia o espaço útil do imóvel. Foto: Shutterstock

Aqui a regra do menos é mais também se aplica: mesmo que a casa conte com um segundo andar, sendo pequena, elementos muito marcantes podem sobrecarregar o visual. Mas há uma exceção: no caso de casas geminadas, apostar em cores fortes para a fachada, que costuma ser mais simples, ajuda a destacar uma casa da outra e evitar a sensação de “tudo igual” desse tipo de construção.

Outra solução para valorizar a fachada em casa pequena é criar um jardim: seja na frente ou na parte de trás da casa, um espaço com elementos naturais traz benefícios além dos estéticos, como ajudar na concentração, diminuir o stress e auxiliar no relaxamento e no clima da casa, deixando-a mais úmida e menos propensa a alergias, por exemplo. E o jardim ainda aumenta o espaço da casa, dando maior sensação de amplitude.

6. Fachadas de casas modernas e baratas

Fachada de casa branca com detalhes na janela em aço cortem vermelho-ferrugem
Aço corten emoldura as janelas e a parte coberta do portão. Material é resistente e ótimo para fachadas de casas modernas. Foto: Shutterstock

A fachada pode ser uma das partes da construção que mais encarece a obra, principalmente aquelas que desejam apostar por acabamentos como aço, vidro e madeiras nobres. Mas é possível utilizar o estilo na fachada da casa sem gastar muito

O primeiro passo é pesquisar preços: ao ter em mente o que se quer para as fachadas e os tipos de materiais que combinam com elas, buscar fornecedores mais econômicos e opções similares ajudam a reduzir os custos com o acabamento. Aproveite as épocas de promoções para conseguir bons descontos.

Outra opção é buscar acabamentos diferentes e mais baratos como madeiras recicladas, restos de demolição e cimento queimado. Partindo deste ponto de atenção que se quer para a fachada, escolha um design que melhor valorizará esses materiais mais acessíveis.

A manutenção também deve entrar nessa conta, por isso, para uma fachada barata, procure por materiais que não necessitem cuidados contínuos. O aço corten é um bom exemplo: por seu tom vermelho-ferrugem, ele é um complemento moderno para a fachada, mas que não precisa de cuidados especiais para se manter: a pátina do material – camada protetora que se forma de maneira natural sobre a superfície do metal –  cria uma barreira protetora contra a corrosão, o que o torna mais resistente do que o aço comum.

7. Fachada de casas com muro

Fachada de casa branca com muro de madeira na entrada da garagem e porta de acesso
Fachada de casa com muro aposta pela harmonia entre interior e exterior. Foto: Shutterstock

Os muros são uma realidade nas casas brasileiras. Além de delimitarem o espaço do terreno, conferem mais segurança para a casa e os moradores. As fachadas de casas com muro devem levar em conta os dois elementos para criar um visual harmônico, especialmente as de dois ou mais andares, quando os níveis superiores ficam acima dos muros. Nesse caso, o estilo de muro e fachada devem seguir uma mesma linha: na imagem abaixo, o muro minimalista liso e branco, com detalhes em madeira, está em harmonia com a casa de cores claras e linhas retas.

No caso da fachada principal, o muro será o grande protagonista para quem a vê de fora. Se a ideia é proteger a intimidade e zelar por uma maior segurança, a opção é um muro fechado, sem visão para o interior. Neste caso, eles podem contar com materiais diferentes aos escolhidos para a fachada da casa, como revestimento de pedra, que agrega elementos da natureza, conforto térmico e tem fácil manutenção – as lisas, como mármore, quartzo e granito, acumulam pouco pó, e as mais rugosas, apesar de acumularem mais sujeiras, não têm muita restrição quanto à limpeza, e nenhuma precisa de produtos químicos para limpar. As mais usadas são a pedra madeira, quartzito, mármores e o granito rústico

Para quem quer integrar o muro com a fachada principal, existe uma variedade de materiais vazados que permitem que a frente da casa seja visível, mas, ainda assim, protegida. Uma opção de baixo custo é usar tijolos deitados, com as fases abertas para fora, criando um muro resistente, diferente e, ainda assim, com visibilidade para a parte de dentro. Muros de painel ripado também são excelentes escolhas.

8. Fachadas de casas com telhado

Fachada de casa branca com telhado tradicional cinza escuro com placas de captação de energia solar
Painéis de energia solar viram elementos de decoração nessa fachada de casa com telhado aparente. Foto: Shutterstock

O telhado é uma das partes mais caras da construção de uma casa. E isso aumenta quando a escolha é por telhados aparentes – aqueles com “cara” de telhado, que formam um ângulo inclinado na parte de cima do imóvel.

Nesse último caso, o telhado é o ator principal da fachada, sendo parte importante da decoração e design da casa. Ele pode seguir uma linha mais neutra, da mesma cor do restante da fachada, ou se destacar com cores e texturas diferenciados. E hoje, com a popularização das placas solares de energia, até elas ajudam a compor o estilo desse tipo de fachada.

Entre os materiais para destacar o telhado na fachada, o mais tradicional são as telhas, de cerâmica e barro. Hoje, porém, existem opções de telhas em vidro, PVC, plástico e até mesmo as ecológicas, feitas de garrafas PET e resina.

A madeira também pode ser utilizada no telhado, mas exige manutenção constante por causa da ação da chuva e do sol, além de estar exposta a pragas como cupins, que podem prejudicar toda a estrutura. Já o policarbonato, translúcido, é mais utilizado na cobertura de áreas externas de menor tamanho, ou intercalado com telhas tradicionais para melhor cobertura da casa.

9. Fachadas de casas com varanda e garagem

Fachada de casa sobrado branco com garagem em destaque, com acabamento em madeira, e varanda e quintal na lateral
A porta da garagem, na fachada principal, ganhou acabamento em madeira e criou um ponto de atenção no design. A varanda foi colocada na lateral, de frente para o jardim e a mata. Foto: Shutterstock

Garagem e varanda são os espaços externos mais pedidos – e apreciados – na hora de escolher uma casa. Integrar os dois elementos à fachada, de maneira útil e bela, valoriza o imóvel e a experiência do morar.

O mais comum é a fachada principal, a da frente, contar com o espaço para a garagem e a fachada do fundo com a varanda. Mas isso não é padrão: depende da disposição do terreno e o acesso desde a rua. Se a casa ocupar o terreno entre uma rua e outra, é possível inverter essa ordem. O mesmo se for de esquina: a entrada para carros, nesse caso, pode ficar na lateral.

Com ambos elementos, a decoração da área externa merece atenção: investir em plantas é sempre uma boa opção, pois elas trazem a natureza para o lar e diminuem a frieza do concreto. Plantas ornamentais, palmeiras e suculentas ajudam a decorar e necessitam de pouca manutenção e cuidados. Uma boa iluminação valoriza as plantas e a fachada como um todo. Já os jardins suspensos podem decorar tanto as fachadas quanto os muros da casa.

A porta da garagem também pode fazer às vezes de detalhe decorativo da fachada, principalmente na dianteira. Nessa fachada de casa com portão, apostar por materiais especiais ou cores diferentes no portão de acesso cria um visual diferente sem precisar de muito. Os materiais mais usados são o ferro, alumínio e aço, mas também podem ser encontrados em madeira e PVC. Se a garagem for aberta, escolha um piso com visual bonito, mas prático, afinal ele estará em evidência junto à casa. Intertravados, mosaico português e pedras naturais são as melhores escolhas, por serem drenantes e resistentes, além de terem variedades que se adaptam a qualquer estilo de casa.

10. Fachadas de casas coloridas

Fachada de casa pintada de vermelho, com janelas e portas em branco e uma pequena varanda com vasos de flores
Não abre mão do vermelho? Aposte em tons mais escuros, menos vibrantes, que cansam menos o olhar. Foto: Shutterstock

Quer uma fachada diferente, única, mas que possa ser mudada facilmente? Aposte nas cores! Trocar a cor da fachada é uma maneira simples e barata de mudar o visual e não precisar de grandes obras e reformas, e não precisa de manutenção.

As cores para fachada de casa mais usadas são as tradicionais brancas. Para evitar essa “falta de cor”, mas ainda manter um visual minimalista, o cinza é a melhor opção. Bege e areia também são clássicos e passam um ar elegante do imóvel. 

Para os ousados e criativos, é hora de apostar na cor. Amarelo, azul e tons terrosos são excelentes para dar vida sem exageros – cores muito fortes e vibrantes podem cansar os moradores mais rapidamente. A marca de tintas Suvinil escolheu a Calcita Alaranjada como a cor do ano para 2023. A tonalidade, um laranja terroso que nos remete aos tons escavados do solo por nossos primeiros ancestrais – mas que também traz a energia da novidade, como os laranjas que marcaram a efervescente e futurista década de 1970, afirma a empresa.

Calcita Alaranjada, cor do ano para 2023 da Suvinil. FOTOGRAFIA: André Klotz @andreklotz; ASSIST. DE FOTOGRAFIA: Victor Frezza @victorfrezza. MESAS LATERAIS @nydiarocha_atelier; SOFÁ @estudio_ambrosio; TAPEÇARIA @brunaoctaviano na @universo.produtos; TAPETE @aveia.tapecaria na @feiranarosenbaum

Quem não abre mão de cores mais inusuais e vibrantes como roxo, vermelho, rosa e mesmo o preto, uma boa opção é escolher um detalhe da fachada para cobrir com o tom preferido, criando um ponto de interesse no visual sem carregar demais – a porta é o mais indicado para isso.

Como fazer uma fachada de casa?

Porta de casa amarela, com coroa de natal pregada na frente
Para quem não quiser uma casa toda colorida, apostar em cores fortes em pontos como a porta valoriza e dá ar moderno ao imóvel. Foto: Shutterstock

Escolhida a opção para a fachada da casa, é hora de colocar a mão na massa. O projeto deve ser feito por um profissional especializado, como um arquiteto. Esse profissional vai levar em conta o desejo dos moradores e oferecer opções de estilos, como os acima, e de materiais para criar o conceito da fachada. Se a casa toda ainda está em construção, a fachada entra no projeto total da casa.

Se a ideia é mudar a fachada da casa já construída, o primeiro passo é o mesmo: esse projeto deve ser feito por um especialista, que analisará a casa e indicará as melhores propostas de mudança de acordo com o desejo dos donos. Após a aprovação do projeto, as obras são iniciadas. Os valores para a mudança da fachada variam de acordo com o tipo de alteração a ser feita, os materiais, entre outras coisas. Mas, para se ter uma ideia, revestir uma das fachadas com pedra natural custa em torno de R$ 180 o metro quadrado. A pintura de um sobrado ultrapassa facilmente os R$ 4 mil. Soma-se a isso os custos da mão de obra e da concepção e desenho do projeto em si. 

Uma maneira de mudar a fachada sem gastar muito é apostar por poucos elementos de inovação, como uma cor nova no muro externo, ou mudar a cor da porta. Plantas e jardins também mudam o visual da casa sem gastar muito.

Colaboração de Karen Villerva

Bateu aquela dúvida na matéria que você leu? Deixe nos comentários que o Time Loft responde!

Tags

Comentários

Natal Camilo de Souza

Ótimas fachadas!

Deixe seu comentário

Este site usa cookies e dados pessoais de acordo com os nossos Termos de Uso e Política de Privacidade e, ao continuar navegando neste site, você declara estar ciente dessas condições.